21.SET a 24.NOV, 2022

A terceira edição
da formação pioneira em Cultura de Aprendizagem do Brasil

10 semanas | on-line e ao vivo

Aprenda a transformar sua organização em um espaço de desenvolvimento contínuo.

Adquira o conhecimento, pratique com as ferramentas e aproveite das conexões necessárias para colocar o aprendizado no centro da sua organização. Quintas entre 18h30 e 21h (consultar Agenda).

30h de encontros

trocas entre participantes

contato com especialistas

ferramentas do método nōvi

squads para experimentação

6h de mentoria em grupo

Cultura de Aprendizagem: o novo papel do T&D

Num mundo em constante mudança, onde as organizações precisam (e precisarão cada vez mais) que seus colaboradores desempenhem funções para as quais não foram preparados, é necessário aprender o tempo todo e em todo lugar. Faça parte.

O QUE É CULTURA DE APRENDIZAGEM

Não há como negar: quando pensamos na aprendizagem de adultos, as organizações desempenham um papel fundamental. Transformar a maneira como as pessoas se relacionam com a aprendizagem também passa por tornar as organizações espaços de desenvolvimento contínuo, ambientes fluidos que estimulem a autonomia e a troca constante entre os colaboradores, tanto no ambiente formal quanto no informal.

Pra gente, é nesse tipo de ambiente que a paixão pelo aprender consegue sobreviver. A isso damos o nome de cultura de aprendizagem.

Saiba mais ↗

PAra quem

Líderes, gestores e executivos de RH que, dentro de suas organizações:

  • sentem que o modelo atual de treinamento e desenvolvimento não responde a desafios reais
  • querem garantir que seus colaboradores sejam capazes de acompanhar o ritmo acelerado de mudança do mundo
  • desejam reter talentos
  • têm capacidade de tomada de decisão ou de implementar projetos de cultura de aprendizagem
  • querem se diferenciar como profissionais aptos a realizar processos de cultura de aprendizagem
O QUE VOCÊ LEVA

CONTEÚDO

Material aprofundado sobre o tema, curado pela nōvi, e entregue antes de cada sessão em formato de vídeo e artigos para otimizar o tempo de cada aula com a discussão dos principais conceitos.

EXPERIÊNCIAS

Encontros facilitados síncronos para aprofundar as discussões e compartilhar reflexões e desafios. Além disso, cada participante é convidado a formar um squad de experimentação dentro da sua organização.

PESSOAS

Grupo de especialistas nacionais e internacionais que compartilharão suas experiências e apoiarão a transferência do aprendizado na formação para a prática.

REDE

Networking com a comunidade CTRL > CLTR, formada apenas por especialistas no assunto e líderes organizacionais que têm interesse em transformar a aprendizagem corporativa de suas organizações.

AGENDA

↘ O que é uma cultura de aprendizagem madura e por que ela é importante para o negócio?

21 SET — encontro 1 boas-vindas

Uma excelente forma de potencializar o aprendizado é pela criação de comunidades. Esse é o objetivo principal do encontro zero: fazer um grande check-in do programa, promovendo integração e conexão entre os participantes. Traremos clareza sobre a formação enquanto uma jornada autodirigida dentro de comunidade de aprendizes.

22 SET — encontro 2 método nōvi

Por que cultura de aprendizagem? Apresentamos os principais conceitos e o business case dessa nova maneira de fazer educação corporativa. O objetivo do método nōvi é oferecer um horizonte para podermos ter conversas em comum e uma forma estruturada para começar e encaminhar transformações positivas no cenário de aprendizagem.

↘ Quais os primeiros passos para alcançar a cultura de aprendizagem desejada em organizações?

29 SET — encontro 3 narrativa

O que de fato ajuda e o que atrapalha o processo de aprender em uma organização? Formar uma imagem de como está a cultura de aprendizagem atual é o começo para qualquer plano de ação estruturado. Isso é feito ao mesmo tempo que escutamos as diversas respostas para “O que é aprender na sua organização?“. É essa narrativa que direciona como o aprendizado deve ser percebido dentro da empresa, e quais ações de comunicação e aprendizagem decorrem dela.

06 OUT — encontro 4 masterclass & mentoring

No espírito do Learning Sprint, tecnologia de aprendizagem desenvolvido pela nōvi, abrimos um campo fértil de trocas e benchmarking entre participantes para explicitar desafios que estão sendo enfrentados e colher as criativas possibilidades e soluções que emergem dessa inteligência coletiva.

↘ O que são intervenções e como posso realizá-las para acelerar o processo de cultura de aprendizagem organizacional?

13 OUT — encontro 5 papel do líder

Chegou a hora de apresentarmos as intervenções do método nōvi – ou seja, os espaços dentro de uma organização em que podemos criar ações específicas para reforçar vetores positivos e/ou amenizar os negativos. O primeiro dos espaços é o papel da liderança, a principal força alavancadora da cultura de aprendizagem.

20 OUT — encontro 6 workplace learning

De que maneira os rituais de aprendizagem do dia-a-dia são utilizados e reconhecidos de maneira intencional como práticas de aprendizado? O aprendizado no ambiente de trabalho é um dos espaços mais eficazes de intervenção: afinal, cultura de aprendizagem age não apenas nas 20h de treinamento formais por ano, mas nas 2240h trabalhadas anualmente. O design de experiência é forte habilidade para aproveitar todo o aprendizado informal.

27 OUT — encontro 7 masterclass & mentoring

Mantendo o pulso do Learning Sprint, tecnologia de aprendizagem desenvolvido pela nōvi, reabrimos um campo fértil de trocas e benchmarking entre participantes para explicitar desafios que estão sendo enfrentados — agora que começamos a explorar as primeiras áreas de intervenção — e colher as criativas possibilidades e soluções que emergem dessa inteligência coletiva.

03 NOV — encontro 8 autonomia

A forma mais potente de promover uma Cultura de Aprendizagem é estimulando a autonomia em iniciativas de desenvolvimento. A criação de diferentes grupos autogeridos, como comunidades de prática, é fundamental para o sucesso dessa implementação. Apresentaremos também o case do Learning Sprint da nōvi.

10 NOV — encontro 9 papel de T&D

Para criar áreas de desenvolvimento focadas em Cultura de Aprendizagem, precisamos fazer duas coisas: desmontar a máquina de produzir cursos que criamos nas Universidades Corporativas e desenvolver nos times capabilities que sejam mais adequadas para o novo momento. O T&D precisa estar pronto para se tornar invisível!

17 NOV — encontro 10 masterclass & mentoring

A última semana de prática e benchmarking para aplicar tudo que aprendemos sobre os primeiros passos e os espaços de intervenção. Para apoiar essa reta final, além de office hours e uma masterclass sobre agilidade.

↘ Como evidencio o que apliquei a partir do que aprendi?

24 NOV — encontro 11 encerramento

Após muito conteúdo e mão na massa, chegamos ao fim do nosso percurso juntos. Nesse encontro, conversaremos sobre ecossistemas de aprendizagem e como estruturar a governança da área para entregar as intervenções propostas. Compartilharemos aprendizados e celebraremos a jornada!

JAN — encontro 12 encontro extra

Um mês e meio após as 12 semanas de formação, nos encontramos para trocar sobre o que conseguimos colocar em prática e os desafios que encontramos.


HOST

convidados

Alex Bretas

Escritor e Facilitador

Alex Bretas é escritor, palestrante e uma das principais referências em aprendizagem autodirigida e ao longo da vida no país. Depois de completar uma pesquisa sobre novas formas de aprendizagem e publicar diferentes livros sobre o assunto, como Doutorado informal e Core skills (do qual é coautor), Alex tem se dedicado a criar comunidades digitais e palestras em eventos no TEDx, ITA, Museu da Amanhã e outros.

Saiba mais ↗

Lavinia Mehedintu

Co-fundadora e Arquiteta de Aprendizagem Offbeat

Lavinia Mehedintu vem desenhando experiências de aprendizagem e programas de desenvolvimento de carreira nos últimos 9 anos, tanto no mundo corporativo quanto no ambiente acadêmico. Como cofundadora e arquiteta de aprendizagem na Offbeat, aplica princípios de aprendizagem de adultos para que profissionais de treinamento e desenvolvimento possam se conectar, colaborar e crescer juntos.

Saiba mais ↗

Marcelle Xavier

Fundadora do Instituto Amuta

Desenha experiências que permitam que pessoas e relacionamentos se desenvolvam em sua potência. Fundadora do Instituto Amuta e idealizadora do projeto social de educação Amadorismo, realiza projetos que auxiliam organizações a se tornarem mais humanas e criativas. Desde 2014, atua como facilitadora, designer de experiências e criadora de comunidades e utiliza ferramentas como Teoria U, Design Thinking, Thinking Environment, Transition Design e Constelações Sistêmicas.

Saiba mais ↗

Barbara Bravo

Antropóloga e consultora organizacional

Mestre em Antropologia e Sociologia do Desenvolvimento pelo Gradua-te Institute of International and Development Studies (IHEID). Aprendiz profissional, já trabalhou com monitoramento e avaliação de projetos do Banco Mundial e BID, foi designer de experiências para o setor privado e para mecanismos de participação social de política pública, foi gerente de programa da área de segurança global da Uber e atualmente faz o que mais gosta que é ser antropóloga e trabalhar com desenvolvimento social e cultura organizacional na Quanta Consultoria.

Saiba mais ↗

Faça a sua pré-inscrição

Para fazer parte da próxima turma do Academy, complete a pré-inscrição e entraremos em contato.

até 14 de setembro

R$ 8.240,00

em até 8x

Quem faz

Primeira consultoria em Cultura de Aprendizagem no Brasil, que ajuda grandes organizações a se transformarem em verdadeiros espaços de desenvolvimento humano.

Clientes

Faça como mais de 40 organizações e aprenda como transformar sua organização em um espaço de desenvolvimento contínuo.